Dicas

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Sonhos

(Pintura - Manuela Araujo)


Tenho sonhos estranhos, cheios de símbolos. Outros como se fosse um filme. Cenas inteiras, falas, sensações, batalhas.
Às vezes falo dormindo, outras perco a hora de levantar. O celular toca suave, se fosse estridente já estaria quebrado. Mas os meus sonhos são realmente confusos, meu livro de cabeceira é bloco de notas. Onde anoto tais símbolos, às vezes os desenhos. Rabiscos de um mundo feito em pedacinhos.
Batalhas, dragões. Mundos e feras.
Já notaram como é magnífico ser abraço em sonho?É maravilhoso, parece feito de açúcar, eterno.
Tenho muitos dicionários, alguns deles dos sonhos. Eles dizem tudo, razão e realidade dentro do onírico. Solto pela fronha do travesseiro, ao alcance de meus dedos.
Rápidos, longos, apavorantes, românticos. É quase cinema em casa.
Vou sonhar,afinal amanhã é sexta feira!

3 comentários:

Bruna Toledo disse...

Eu sempre sonho com meus personagens... Como se uma "força maior" me mostrasse o rumo que eles devem tomar para ter uma vida significativa! O livro que começei a escrever já tomou um caminho completamente diferente do principal! Saiu da cidade de Nova Iorque e veio parar no Rio de Janeiro de um jeito tão natural que é como se eu já tivesse programado isso antes! Novos personagens que eu nem havia pensado em por.
De quarta pra quinta Diana Torres saltou nos meus sonhos com os olhos verdes piscando pra mim! Acredito que cada personagem é um pedaço de nós que se esvai... Então creio que estou pondo mais do que o necessário nos meus "filhos"!
Nossa, estava precisando falar mesmo! Desculpe por fazê-la ler essas besteiras! haha
Mas precisava deixar isso sair!
Obrigada ;*

Nazarethe Fonseca disse...

Bruna Fique tranquila.A emoção é bem-vinda de escritora para escritora.É um modo carinhoso de ver suas criações.belo isso!

Manuela Araújo disse...

Oi Nazarethe!

É lindo ver que uma tela minha possa inspirar a escrever sobre sonhos...

o meu bem haja,

Manuela Araújo