Dicas

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Tempo de refletir



Como disse às vezes esqueço que não posso mais fugir, me esconder de tudo. É uma cobrança prazerosa a dos fãs e motivadora. Sempre me fizeram que desse um passo mais a diante, não desistisse. Recebo muitos e-mails, quase sempre eles me dão força e calor.
Recentemente recebi dois muito tocantes, o neto escreveu para a avó. Ela leu o livro Alma e Sangue e o fez escrever para mim cobrando a continuação. Achei lindo!
Lembro quando comecei sozinha na maquina de escrever, o tec, tec. O silencio da noite,às vezes ia dormir uma, duas horas da manhã escrevendo. Era muito bom por tudo para fora. Corria com Kara pelas ladeiras escuras e quando Jan Kmam sorria, lá estávamos.
Ninguém havia lido, era somente um monte de folhas recicladas, vozes e desenhos, a máquina de escrever e o dicionário. Sentia dor nas costas e meus dedos estavam sempre sujos da fita da maquina. O carinho dela estava quebrado e eu rebobinava a fita com uma caneta! Incrível, mas já a mandei para o concerto varias vezes e depois de duas semanas debaixo de meus dedos. O carrinho de puxar a fita está novamente quebrado.
Rebobinar a fita é um intervalo nos pensamentos, sabe? Aquele momento de reler... Pensar... Pensar em tudo que posso e não posso. Em coisas que não tenho a força para interferir positivamente.
A vida é tão curta. Gostaria de ter o poder de mudar, de doar vida e saúde. Tornar real o que só imagino.
Quando você reúne as páginas e as observa por muito, pouco não as escuto sussurrando. É este o único mundo que você pode controlar, aquele que você cria. Nenhum outro.

2 comentários:

garcinha disse...

Quando comecei a ler Alma e Sangue.. dava 1hr, 2hrs da madrugada e eu não conseguia parar de ler o livro... era hipnotizande... rss aí quando você estiver escrevendo seu próximo livro, muito trabalho.. talvez de madrugada também.. aí você pensa: quantas pessoas vão gostar tanto de ler esse livro a ponto de nem dormir para ler?!! :)

Bruna Toledo disse...

Depois de muito tempo tentando eu finalmente começei um livro... Não deve estar gandes coisas, mais eu me sinto assim também... Aquele univer so é meu. Kateline, Trade, Victor eles são meus e eu os controlo de um jeito que nem consigo controlar minha própria vida. E eles tem trilha sonora, coisa que eu nunca tive. E eles tem futuro... Eu sinceramente já não sei! Rsrsrs.